Forças Nacionais Destacadas 2019

07-09-2019

Fuzileiros Portugueses destacados na Lituânia - Julho de 2019 / imagem via Marinha Portuguesa
Fuzileiros Portugueses destacados na Lituânia - Julho de 2019 / imagem via Marinha Portuguesa

Saiba quais as missões e onde estão e estiveram projectados os militares portugueses dos três ramos das Forças Armadas no ano de 2019.

Não sendo inédita, a publicação "Forças Nacionais Destacadas 2019", disponibilizada no site do EMGFA, é por nós considerada de extremo valor informativo, sendo que, por isso, por este meio o partilhamos. 

A seguinte informação foi transcrita.

"O Estado-Maior-General das Forças Armadas (EMGFA) é o órgão responsável por planear, dirigir e controlar o emprego das Forças Armadas no cumprimento das missões operacionais que a estas incumbem, nos termos da Constituição, a fim de garantir a defesa militar da República e contribuir para a segurança e o desenvolvimento de Portugal, para o bem-estar dos Portugueses e, ainda, para afirmar o País como coprodutor de segurança internacional. 

É uma nobre e exigente missão, que requer uma articulação ativa e permanente com a tutela política e uma coordenação intensa com a Marinha, o Exército e a Força Aérea, para permitir ao Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas (CEMGFA) exercer as suas competências, como comandante operacional das Forças Armadas, designadamente nas questões que envolvem a prontidão, o emprego e a sustentação das forças e meios operacionais. 

O presente documento reflete o empenhamento das Forças Nacionais Destacadas (FND) aprovado para o ano de 2019, materializando, no seu conjunto, o contributo das Forças Armadas para a paz, a segurança e a estabilidade internacional."  - Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas

Organizações internacionais 

A participação de FND em operações de cariz internacional, reflete a materialização dos interesses nacionais no âmbito dos compromissos assumidos com as organizações internacionais que Portugal integra, designadamente a Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), a União Europeia (UE) e a Organização das Nações Unidas (ONU), bem como no quadro bilateral ou multilateral, com países aliados e amigos. 

  • Organização do Tratado do Atlântico-Norte 

Membro fundador da OTAN (1949), integra as suas missões e estrutura, sendo um parceiro indispensável no seio da Aliança. 

  • União Europeia 

O Estado Português é membro da União Europeia desde 1986 e tem contribuído de forma relevante para as missões e operações da União, particularmente em África. 

  • Organização das Nações Unidas 

Portugal é membro da Organização das Nações Unidas desde 1955. Os militares portugueses têm participado activamente em inúmeras missões e operações internacionais de apoio à paz. Missões Bilaterais e Multilaterais As acções no domínio da Defesa contribuem para a segurança, estabilidade e desenvolvimento económico e social de países amigos, bem como para a estabilização de áreas de interesse estratégico.

Fatores de planeamento 

  • Garantir o equilíbrio do contributo nacional para as missões e operações no âmbito das organizações internacionais que Portugal integra. 
  • Privilegiar as missões e operações que contribuam para a estabilidade da nossa vizinhança próxima, que demonstrem o compromisso e a solidariedade com a segurança e defesa dos nossos aliados, e que contribuam para a implementação da Estratégia Global da UE, no domínio da Segurança e Defesa. 
  • Reforçar a presença nacional no Atlântico como espaço prioritário de interesse estratégico, através da participação em missões de fiscalização conjunta no Golfo da Guiné e em exercícios no domínio da segurança marítima. 
  • Manter a participação nacional na coligação multinacional que combate o Daesh. 
  • Atender a requisitos de continuidade de missões já em curso em 2018. 
  • eddwa


Clique na imagem para aceder à restante informação, disponibilizada por via de site oficial do Estado Maior General das Forças Armadas.

Fonte: EMGFA (Estado-Maior-General das Forças Armadas)        

Portugal Defense News... and global

Últimos artigos 

 

"Operação Primavera de Paz", também denominada "Fonte de Paz", é mais um capítulo na guerra da Síria que assola o país desde 2011. A invasão turca tem o potencial de alterar, mais uma vez, o mapa político e étnico na região.